Calendário Vacinal
  Documentos Técnicos
  Informações para público em geral
  Programas de Vacinação
  Prevenção para o VSR (Palivizumabe)
  Série Histórica e outras informações
  Tabulação de dados API



Divisão de Imunização - CVE/CCD/SES/SP
Av. Dr. Arnaldo, 351 6º andar, s. 619
CEP 01246-000
Pacaembu - São Paulo/SP
Tel. (11) 3066-8779/8780/8781/8286/
       (11) 3066-8075/8559
Fax: (11)3066-8976

Fale conosco
apresentação
As ações de imunização no estado de São Paulo têm atividades registradas desde 1962, quando ocorreu a primeira campanha estadual de vacinação contra a poliomielite, utilizando a vacina de vírus vivos atenuados (Sabin). Já em 1968 encontramos a publicação da primeira norma do Programa da Secretaria da Saúde Pública (antiga denominação da Secretaria de estado da Saúde) sob o comando do Dr. Walter Leser, secretário de estado à época.

Em 1973 é criado o Programa Nacional de Imunizações – PNI, como parte de um conjunto de medidas que visavam redirecionar a atuação governamental, ajustando-se aos objetivos e diretrizes do Programa Ampliado de Imunizações – PAI da Organização Mundial de Saúde – OMS (lei 6259 de 30-10-1975; decreto 78.231 de 12-08-1976). Anteriormente as ações de imunização eram marcadas pela atuação isolada de programas nacionais para o controle de doenças específicas como a Campanha de erradicação da Varíola, Plano Nacional de Controle da Poliomielite e controle da Tuberculose. A partir de então o Ministério da Saúde define as vacinas obrigatórias do calendário vacinal, permitindo às unidades federadas propor medidas complementares no âmbito de seu território.

Em 1985, com a criação do Centro de Vigilância Epidemiológica para coordenar o Sistema de Vigilância Epidemiológica, anteriormente alocado no Centro de Informação de Saúde – CIS, a coordenação técnica do Programa Estadual de Imunização ficou sob a responsabilidade da Divisão de Imunização estendendo-se até os dias atuais (decreto 24.565 de 27-12-1985).

A Divisão de Imunização tem como principais atividades:
  • normatização das ações e atividades do programa;
  • controle, distribuição e avaliação de imunobiológicos do setor público (rotina, especiais, campanhas), além de insumos – impressos, seringas, agulhas – e materiais de campanha;  
  • avaliação e apoio técnico nas investigações de notificações de eventos adversos pós-vacinais;  
  • avaliação e conduta nas notificações de alteração de temperatura de exposição de imunobiológicos distribuídos no setor público;  
  • capacitação de recursos humanos – com a formação de multiplicadores – imprimindo caráter homogêneo à execução das ações programáticas;  
  • assessoria técnica às regionais, municípios, profissionais de saúde, universidades nos assuntos referentes ao Programa Estadual de Imunização;  
  • coordenação de sistemas de informações próprios (Sistemas de Informações do Programa Nacional de Imunizações SI-PNI)  

- API – Avaliação do Programa de Imunizações – doses aplicadas  

- EDI – Estoque e distribuição de Imunobiológicos  

- CRIE – prontuário dos centros de referência de Imunobiológicos especiais  

- AIU – avaliação de imunobiológicos utilizados  

-PAISS – programa de avaliação de supervisão de salas de vacinas;  

  • desenvolvimento de projetos e pesquisa na área de imunizações.

Os aspectos técnico-científicos das imunizações no estado de São Paulo têm o apoio relevante da Comissão Permanente de Assessoramento em Imunizações – CPAI, criada em 1987, consolidada no âmbito da Secretaria de Saúde pela Resolução SS-56 de 23-05-2006. A CPAI tem como atribuições:


- deliberar sobre assuntos pertinentes à utilização de imunobiológicos;

- assessorar na formulação de estratégias e na coordenação das ações e atividades envolvendo imunizações.

    Membros integrantes:

    Gabriel Wolf Oselka - RG - 002.424.651 (presidente)
    Vicente Amato Neto - RG - 908.303
    Alexander Roberto Precioso – RG - 10.884.642
    Brigina Kemp - RG - 11.978.871-8
    Cláudio Sergio Pannuti - RG - 003.338.038-4
    Clélia Maria Sarmento de Souza Aranda-RG - 006.727.759
    Eliana de Fátima Paulo – RG - 14.349.177-5
    Glacus de Souza Brito - RG - 009.709.668
    Guido Carlos Levi – RG - 2.691.967
    Helena Keico Sato - RG - 008.708.790
    José Cássio de Moraes - RG - 003.348.046
    Lily Yin Weckx - RG - 009.554.701
    Marco Aurélio Palazzi Sáfadi - RG - 12.147.275
    Maria Lígia Bracciotte Ramos Nerger – RG - 15.818.300-9
    Marta Heloísa Lopes - RG - 004.626.279
    Regiane Aparecida Cardoso de Paula – RG 17.102.390-9
    Sonia Regina Testa da Silva Ramos - RG - 004.429.482
    Rosana Richtmann De Fiore de Castro Oliveira – RG - 4.412.032-1
    Telma Regina Pinto Carvalhanas – RG - 11.122.020-8

     

    (Resolução SS-53 de 9-05-2014 e Resolução SS-26, de 16-03-2016, altera a constituição da Comissão Permanente de Assessoramento em Imunização - CPAI, a que se reporta o artigo 1º da Resolução SS-57, de 23 de maio de 2006, e dá outras providências.)

    Em virtude dos novos conhecimentos e recursos que continuamente surgem para a prevenção de doenças transmissíveis, torna-se imperativa a revisão periódica das normas vigentes com a propostas de alterações para o calendário vacinal do estado de São Paulo. (ver série histórica dos calendários).